Atividade Física na Gestação

Por Gizele Monteiro – personal gestante

A diminuição da atividade física na gestação é muito comum, pois além das mudanças corporais, há também uma maior dificuldade em se movimentar. Mas, esse comportamento ocasiona a queda no nível de condição física ou aptidão da mulher. Esse é mais um dos motivos que é importante as mulheres realizarem atividade física na gestação.

De acordo com o Colégio Americano de Ginecologia e Obstetrícia (ACOG) a recomendação de exercícios na gravidez para mulheres sem complicações obstétricas é a mesma recomendada pelo Centro de Controle de Doenças e Colégio Americano de Medicina Esportiva (CDC/ACMS), ou seja, pelo menos 30 minutos de exercícios moderados todos os dias.

É importante que haja alterações nos programas de exercícios devido as mudanças endócrinas, cardiovasculares e posturais ocorridas durante o período gestacional, e para isso o acompanhamento de profissionais de Educação Física capacitados e que entendam essas mudanças, deve ser primordial. Neste momento a individualidade gestante deve ser respeitada para não colocar em risco nem a mamãe e nem o bebê.

Gizele Monteiro no programa da tarde - Record - atividade física na gestação monitorada por personal gestante

Gizele Monteiro no programa da tarde – Record – atividade física na gestação monitorada por personal gestante

Os benefícios de exercícios físicos bem orientados são diversos.

Benefícios da prática de atividade física na gestação:

  1. Reduz e previne as lombalgias,
  2. Controla o aumento da adiposidade e do ganho de peso gestacional,
  3. Ajuda no controle da pressão arterial,
  4. Diminui o inchaço,
  5. Aumenta ou manutem a aptidão física,
  6. Atuar na melhora da saúde psicológica.

Vários estudos já encontram como resultado a diminuição de riscos de diabetes gestacional e pré-eclâmpsia em mulheres que mantêm maiores níveis de atividade física na gestação, principalmente se inciá-la antes de engravidar.

Desta forma, recomenda-se um estilo de vida ativo a ser adotado por mulheres gestantes, pois assim além de uma gravidez saudável proporciona uma recuperação mais rápida no pós-parto.

*** MAMÃES – RECEBAM MINHAS DICAS GRATUITAS CADASTRANDO-SE NO SITE www.gravidezemforma.com.br

Referências

ACOG (American College of Obstetricians and Gynecologists). Committee on Obstetric. Exercise during pregnancy and the postpartum period. Pratice Bulletin. Number 267. Am Col Obstet Gynaecol. 2002; 99:171-173.

JOINT SOGC/CSEP CLINICAL PRACTICE GUIDELINE. Exercise in pregnancy and the postpartum period. JOGC. 2003; 129:1-7.