Conteúdo de março/2014

Cuidados com o bebê recém-nascido

29-mar-14

 Por Gizele Monteiro – personal gestante

 

Qual mamãe de primeira viagem não fica insegura ou assustada com os cuidados com o bebê recém-nascido?

A Veja preparou um vídeo bem interessante contando um pouquinho sobre esse momento.

Vale a pena conferir!! https://www.youtube.com/watch?v=MNqTMKCnoGw

 

Alimentação da gestante no trabalho

29-mar-14

Por Gizele Monteiro – personal gestante

 

Como deve ser a alimentação da gestante no trabalho?

A grávida moderna tem uma vida profissional até momentos antes do parto. Saber como se alimentar no período de trabalho é muito importante para controlar o peso e também para a saúde da mamãe e bebê.

Alimentação da gestante no trabalho - Gravidez em Forma (@gizelemonteiro)

Alimentação da gestante no trabalho – Gravidez em Forma (@gizelemonteiro)

A alimentação também será importante para evitar inchaço, azia, refluxo etc.

Você pode receber dicas valiosas que eu elaborei no projeto Gravidez em Forma.

São 4 dicas em vídeo com orientações de qualidade para sua saúde e controle de peso.

Basta se cadastrar acessando o site www.gravidezemforma.com.br.

Clique e te espero lá!!!

Dor nas costas na gravidez – exercícios aliviam as dores

19-mar-14

Por Gizele Monteiro – personal gestante

A dor nas costas acomete muitas mulheres na gravidez. Infelizmente poucas sabem que os exercícios aliviam as dores e outros desconfortos.

À medida que a barriga cresce durante a gravidez, o centro de gravidade do corpo da mulher muda e com isso todo o restante do corpo tem que fazer um ajuste. O movimento natural compensatório do corpo é inclinar o tronco um pouco para trás e isso faz com que a coluna lombar e o quadril sejam forçados, o que resulta em dores nas costas.

Essa compensação gera uma sobrecarga nos músculos da região lombar por causa do aumento de peso e uma mudança na forma de caminhar devido ao alargamento do quadril. Esses músculos na grande maioria das pessoas, incluindo gestantes são fracos e encurtados, o que complica e aumenta o risco da gestante ter dor lombar – a famosa dor nas costas.

Exercícios melhoram a dor nas costas - com Gizele Monteiro (@gizelemonteiro)

Exercícios melhoram a dor nas costas – com Gizele Monteiro (@gizelemonteiro)

Tudo contribui para o incômodo que elas podem sentir”, afirma a personal gestante Gizele Monteiro, mestre pela Unifesp em exercícios na gravidez e autora do livro “Guia Prático de Exercícios para Gestantes” (Phorte Editora) e do e-book “Gravidez em Forma” (disponível pelo site gravidezemforma.com.br).

Em entrevista ao programa Bem Estar da rede Globo, mostrei vários exercícios que aliviam e prevenir as dores e também algumas mudanças ergonômicas que podem reduzir a pressão sobre essa região e evitar a dor nas costas.

Vale a pena assistir o vídeo! https://www.youtube.com/watch?v=RxaH7L80pLE

Acesse o site www.gravidezemforma.com.br e saiba como ter uma gravidez em forma e saudável para evitar dores e peso excessivo na gravidez. Te espero lá!

 

 

 

 

 

Core – importância e exercícios para sua função na gravidez e pós-parto

03-mar-14

Por Gizele Monteiro – personal gestante

 

Core, sua importância e exercícios para sua função na gravidez e pós-parto

Core – centro do corpo – tronco e pelve

Core training – ação sobre o conjunto de músculos que controlam o centro do corpo.

Músculos do Core

Músculos do Core

Durante a gravidez há uma grande mudança sobre os músculos do “Core”, não só pelas alterações hormonais e fisiológicas, mas também pelas grandes mudanças biomecânicas impostas pelo bebê que cresce dentro do útero. É claro que essa volta e recuperação no pós-parto não acontece imediatamente e por isso deve ser respeitada.

Os exercícios que trabalham os músculos do core tem função muito importante sobre o controle postural, ajudando a manter ainda a estabilidade da coluna e prevenir dores, as tão indesejadas dores nas costas que gestantes e mamães normalmente sentem.

Além disso, ajudam a manter as funções do assoalho pélvico as quais vão sendo modificadas por ação hormonal durante a gravidez para preparar essa região para o trabalho de parto, portanto esses músculos vão ficando mais fracos e de certa forma mais soltos (com um tônus muscular diminuído) e os exercícios para o core auxiliam na manutenção desse controle.

A bola suíça é um excelente material para usar com a gestante (desde que se sinta confortável com esse material) porque por sua instabilidade aciona naturalmente essa função do core, para que a gestante se mantenha sentada e em equilíbrio, além disso ela é confortável para sentar-se porque molda-se ao corpo, ajustando-se na região do quadril, facilitando também o alinhamento postural.

Exercícios respiratórios adequados (sem bloqueios ou ventilações exageradas) para a grávida e para a recém-mamãe, com a atenção na movimentação das costelas, ação dos músculos abdominais e do assoalho pélvico serão excelentes para a ação conjunta do core, não se esquecendo sempre da postura alinhada e reorganizada para tais exercícios, pois essa alinhada já se inicia a relação profunda de todo esse core.

Assoalho pélvico

Assoalho pélvico

A manutenção da ativação abdominal, a medida que eles vão sendo alongados pela gravidez ajudam no próprio controle postural, e dessa forma inicia-se o ciclo essencial para o bom desempenho de todo esse core, postura, manutenção de uma boa respiração e prevenção de dores.

A prática de exercícios respiratórios e em alinhamento postural ajudar a promover a atividade coordenada de todo esse conjunto de músculos.

Exercícios na gestação – prevenção de dores nas costas

02-mar-14

Por Gizele Monteiro – personal gestante

Poucas mulheres sabem, mas os exercícios na gestação podem ser um meio muito eficiente para a prevenção de dores nas costas, também conhecida como dor lombar!

Dor nas costas na gravidez
Dor nas costas na gravidez

A dor lombar é uma das complicações maiores queixas da gestante. Atinge entre 50 e 70% das mulheres grávidas.

É o maior motivo de licença a maternidade antecipada, interferindo nas atividades de vida diária, além de poder causar um susto e um mal estar psicológico de que algo está ocorrendo com a gravidez. Alguns estudos apontam que em grande parte das gestantes a dor inicia entre terceiro e quinto meses.

Porém é importante que não só o profissional que trabalha com a gestante, mas também a própria gestante entendam que assim como o exercício na gravidez é um forte aliado na prevenção da dor, o excesso pode oferecer grandes riscos, pois o corpo da mulher nesse momento está passando por grandes modificações e não suporta a mesma carga comparado a uma mulher não gestante.

 

- Exercícios na gravidez – Benefícios na prevenção de dor nas costas

Uma sobrecarga ou exercícios inadequados, ou o carregamento de peso podem desencadeá-la.

Personal gestante Gizele Monteiro e exercício para Ana Hickamann

Personal gestante Gizele Monteiro e exercício para Ana Hickamann

- Prescrição de Exercícios para a prevenção da dor lombar:

Para a prevenção da dor lombar a combinação de exercícios deve combinar exercícios de alongamento, fortalecimento e relaxamento muscular.

exercício na gravidez tem efeitos positivos diminuindo a intensidade da dor. Os relatos mostram além da prevenção, que a intensidade é menor em mulheres que se exercitam comparadas com as que não se exercitam e também aquelas que apresentam uma condição física melhor antes da gestação têm menor chance de desenvolver a lombalgia gestacional, por isso sendo então há uma grande vantagem em manter-se ativa se a mulher deseja engravidar.

 

- Gravidez em Forma – controlando o peso e prevenindo a dor lombar

Preparamos para você dicas fantásticas para que você ganhe peso de forma saudável e também evite os incômodos associados ao ganho de peso excessivo e sedentarismo. Acesse www.gravidezemforma.com.br e cadastre-se para receber.

Saiba mais sobre nossos atendimentos presenciais e à distânica e-mail – contato@gizelemonteiro.com.br ou fone - (11) 9 9651.8909.

Mudanças posturais na gravidez – dor lombar – parte 2

02-mar-14

Por Gizele Monteiro – personal gestante

Lombalgia e gravidez

Uma das complicações mais comuns  da gravidez é a dor lombar. Cerca de 50% das mulheres sofrem de lombalgia durante a gestação.

A carga mecânica e/ou a frouxidão ligamentar provocadas por um hormônio chamado relaxina estão associadas com a elevação da incidência de dor lombar em gestantes. A frouxidão ligamentar na região pélvica está ligada com a disfunção na articulação sacroilíaca e com as alterações na sínfise púbica observadas durante a gestação.

Descrita como aquela que não difere da dor lombar fora do período gestacional, segue abaixo algumas características:

  • Estimulada quando se faz a flexão do tronco, causa a diminuição da amplitude para a região,
  • Dor à palpação da musculatura paravertebral lombar.

Medidas Preventivas para a lombalgia gestacional

Durante a gestação as medidas preventivas devem ser adotadas o mais cedo possível, sendo que a gestante deve ser reeducada nas suas atividades diárias.

Para a prevenção entre os exercícios recomendados estão os que se destinam a “relaxar e alongar” a musculatura lombar e desenvolver na mulher uma percepção corporal para quando ela estiver sobrecarregando a região lombar durante a execução de alguma atividade, ou manutenção prolongada de uma postura, ela reconheça esta sobrecarga e realize movimentos compensatórios, aliviando a tensão nesta região.

  • Dor lombar: acrescentar exercícios de alongamento para as costas, posturais e abdominais para evitar a hiperlordose lombar.

Atividade Física na Gestação

02-mar-14

Por Gizele Monteiro – personal gestante

A diminuição da atividade física na gestação é muito comum, pois além das mudanças corporais, há também uma maior dificuldade em se movimentar. Mas, esse comportamento ocasiona a queda no nível de condição física ou aptidão da mulher. Esse é mais um dos motivos que é importante as mulheres realizarem atividade física na gestação.

De acordo com o Colégio Americano de Ginecologia e Obstetrícia (ACOG) a recomendação de exercícios na gravidez para mulheres sem complicações obstétricas é a mesma recomendada pelo Centro de Controle de Doenças e Colégio Americano de Medicina Esportiva (CDC/ACMS), ou seja, pelo menos 30 minutos de exercícios moderados todos os dias.

É importante que haja alterações nos programas de exercícios devido as mudanças endócrinas, cardiovasculares e posturais ocorridas durante o período gestacional, e para isso o acompanhamento de profissionais de Educação Física capacitados e que entendam essas mudanças, deve ser primordial. Neste momento a individualidade gestante deve ser respeitada para não colocar em risco nem a mamãe e nem o bebê.

Gizele Monteiro no programa da tarde - Record - atividade física na gestação monitorada por personal gestante

Gizele Monteiro no programa da tarde – Record – atividade física na gestação monitorada por personal gestante

Os benefícios de exercícios físicos bem orientados são diversos.

Benefícios da prática de atividade física na gestação:

  1. Reduz e previne as lombalgias,
  2. Controla o aumento da adiposidade e do ganho de peso gestacional,
  3. Ajuda no controle da pressão arterial,
  4. Diminui o inchaço,
  5. Aumenta ou manutem a aptidão física,
  6. Atuar na melhora da saúde psicológica.

Vários estudos já encontram como resultado a diminuição de riscos de diabetes gestacional e pré-eclâmpsia em mulheres que mantêm maiores níveis de atividade física na gestação, principalmente se inciá-la antes de engravidar.

Desta forma, recomenda-se um estilo de vida ativo a ser adotado por mulheres gestantes, pois assim além de uma gravidez saudável proporciona uma recuperação mais rápida no pós-parto.

*** MAMÃES – RECEBAM MINHAS DICAS GRATUITAS CADASTRANDO-SE NO SITE www.gravidezemforma.com.br

Referências

ACOG (American College of Obstetricians and Gynecologists). Committee on Obstetric. Exercise during pregnancy and the postpartum period. Pratice Bulletin. Number 267. Am Col Obstet Gynaecol. 2002; 99:171-173.

JOINT SOGC/CSEP CLINICAL PRACTICE GUIDELINE. Exercise in pregnancy and the postpartum period. JOGC. 2003; 129:1-7.