Conteúdos de 29/março/2010

Programa de Exercícios antes da Gravidez

29-mar-10

Programa de Exercícios antes da Gravidez: preparando fisicamente o corpo para a Gravidez

Trazendo um novo conceito de exercícios na Gravidez, um programa de exercício Pré-gravidez prepara o corpo da mulher fisicamente para as mudanças que ocorrerão durante a gestação, possibilitando uma gestação mais saudável e um pós-parto com uma recuperação mais rápida

Muitas mulheres hoje pensam na gravidez e a planejam. Existem várias coisas que a mulher e o casal têm que pensar e decidir. Além dessas coisas, a mulher se preocupa muito com o seu peso e com as alterações que seu corpo vai sofrer durante o período. Ela deve entender que seu corpo passará por uma mudança física gerada pelos vários hormônios que estão aumentados durante a gravidez e para isso é necessário estar preparada.

Uma gravidez exige muito da forma física da mulher, sendo necessário que ela se prepare fisicamente com um bom condicionamento antes de engravidar. Mulheres que realizam exercício antes e durante a gestação têm uma gravidez mais tranquila e sem tantas dores e incômodos, além do controle de peso ficar mais fácil.

O programa de exercícios antes da gravidez deve contar com exercícios de força e alongamento dos músculos posturais e também daqueles que serão mais exigidos durantes os nove meses como o períneo, conhecido também como assoalho pélvico.

Para preparar o corpo da mulher antes da gravidez, além de auxiliá-la durante a gestação e também no pós-parto, a professora Gizele Monteiro, uma especialista da área de educação física criou o método MAIS VIDA GESTANTES®, que conta com vários pontos de atendimento e também uma equipe preparada para atender com Personal Training ou aulas em pequenos grupos. O MAIS VIDA GESTANTES® ainda oferece uma equipe de nutricionistas também especializada no atendimento da mulher grávida. Esse programas antes da gravidez são ideais para controlar o peso da mulher antes de engravidar, principalmente aquelas que estão acima do peso.

A gestante é acompanhada por um profissional especializado e treinado, por cerca de 130 horas de aula, pela idealizadora do MAIS VIDA GESTANTES® que poderá ser um personal trainer ou um professor para um grupo reduzido de mulheres.

Após o parto, é iniciada uma nova fase de mudanças físicas e hormonais, que variam entre seis meses e um ano. A mulher é orientada como evitar comprometimentos na amamentação, para não afetar o crescimento do bebê. Os exercícios físicos bem aplicados e direcionados às necessidades de cada mulher auxiliam na recuperação, que pode ser ainda mais rápida em uma mulher que tenha se preparado fisicamente antes de engravidar.

Saiba mais sobre o programa: www.metodomaisvida.com.br/gestantes

e-mail: contato@gizelemonteiro.com.br / (11) 7871.4162

Flexibilidade na Gravidez

29-mar-10

Profa. Ms Gizele Monteiro

Efeito da gravidez sobre a amplitude de movimento

alongamento yogaA cintura pélvica se altera profundamente na gravidez, alterações que levam a um aumento na AM, a qual faz sua melhor adaptação para o parto (Alter, 1988).

Isso acontece pela ação de dois tipos de hormônios liberados: os estrógenos e a relaxina.

A função da relaxina ainda não é tão clara, mas, como o nome sugere, deve manter a função por meio do relaxamento de ligamentos (amolecimento), alongamento de fibrocartilagens por atividade colagenolítica e aumento do fluido sinovial na preparação para o parto, ampliando a articulação pélvica.

Pode ser ainda que os receptores de estrogênios acumulem relaxina nas articulações pélvicas e cápsula articular (Polden & Mantle, 1997).

Novas facetas da relaxina têm sido observadas por Dschietzig & Stangl (2003), encontrando alguns efeitos importantes com efeito antifibrótico e propriedade vasodilatora.

Efeitos da relaxina para o aumento da flexibilidade

Polden & Mantle, (1997) indicam algumas das funções da relaxina, as quais podem ter influência sobre a flexibilidade:

· Substituição gradual de colágeno em tecido alvo (articulações pélvicas, cápsulas articulares) com forma remodelada e modificada que tem maior extensibilidade.

· Pode ter um papel na marcante habilidade do útero em distender-se e na produção do tecido conjuntivo de suporte adicional necessário para o crescimento das fibras musculares.